sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

O prazer no adultério e na fornicação

O prazer é uma coisa boa! Foi criado por Deus. Sob várias formas ele traz a satisfação do corpo pois é uma realidade corporal. E aqui começam os erros de muitas pessoas. A felicidade é uma realidade do espírito e o prazer é uma realidade do corpo. Buscar a felicidade nos prazeres vai contra a natureza pensada e criada por Deus e em consequência desta atitude, quando erramos o alvo tentando acertar cometemos os nossos pecados.

Deus ao criar o prazer colocou este dentro de um contexto, dentro de uma realidade que se chama matrimônio. Notem aqui que estamos a refletir e meditar sobre o ato sexual pensado e criado por Deus para o bem mútuo do homem e da mulher, numa entrega sagrada que colabora com o criador e se abre ao amor e a fecundidade. É dentro desta realidade que se encontra o prazer que estamos tratando aqui.

Já ouvi pessoas dizendo que sexo é uma coisa boa, que foi criado para se fazer e que temos mais é que praticar mesmo. Afinal, com o advento do “sexo seguro” agora é possível exercer esse “falso direito” ao prazer pelo bem da satisfação pessoal. O que importa é ceder aos apetites da carne e se deliciar com a sensação prazerosa que se recebe ao fazer sexo.

Porém, essa mesma natureza pensada e criada por Deus, que coloca o ato sexual como exclusividade do santo matrimônio, tem sido a tempos alvo de muitas investidas e ataques do inimigo. Satanás tem buscado com todas as suas forças desvincular o amor sagrado, primordial, das sensações resultantes do ato em si. Em tempos como os que vivemos o que existe é um comum acordo. Eu te uso e me satisfaço e você me usa e se satisfaz, sem compromissos ou qualquer satisfação com a esfera celeste, com o Pai Eterno.

Na bíblia as coisas são bem simples. Se você é casado em santo matrimônio e tem relação sexual com alguém que não é seu esposo ou sua esposa, você está cometendo adultério. Se você é solteiro e está tendo relação sexual com outra pessoa você está cometendo fornicação. Tanto o adultério quanto a fornicação são pecados graves, que te afastam de Deus, rompem tua amizade com Ele e te previnem das graças que você precisa para se santificar e se salvar. Então se essa é uma realidade presente a pessoa precisa “acordar”, se arrepender, se confessar, se converter, tomar a sua cruz e seguir Jesus. Do contrário não irá dar certo, teu fim será o fogo do inferno preparado para o diabo e seus seguidores. E quem disse isso foi Jesus.

E mais, o mundo banalizou tanto e escandalizou tanto esse presente de Deus, que é a união entre homem e mulher para se tornarem uma só carne, que chegou ao ponto de comercializar o sexo, de torna-lo um produto de consumo. Hoje é possível com alguns reais comprar algumas horas de prazer carnal com estranhos, de forma real ou virtual. Transformado pelos adeptos de satanás, a corrupção da carne, que acontece através desse prazer sexual e tem raízes egoístas possui várias vertentes. A internet que o diga. Antigamente eram as revistas pornográficas, as salas reservadas de filmes pornôs nas locadoras de vídeo, além dos ambientes satânicos chamados de motéis, mas agora... Ao alcance de um clique a pornografia e as redes sociais oferecem facilidades incontáveis para se realizar todo o tipo de perversidade sexual.

Se a mulher não satisfaz o marido, ele busca ter um caso, ou uma amante, ou ainda experimentar uma aventura para saciar seus desejos carnais não supridos em casa. Mas não se preocupe, teu desejo será atendido pois o diabo sempre a espreita te atende prontamente e logo providencia o que buscas. Ele cuida de você, promove o que queres e com isso vai te afundando cada vez mais na lama do pecado. Não se engane, por ele te odiar tanto e com todas as forças, ele irá se empenhar ao máximo para que você realize seus desejos sexuais pecaminosos. Ele irá te fazer de papel higiênico e depois te descartar fora. Pode acreditar, se assim você o fizer, com ele irá morar após o seu juízo.

Se o prazer, como quer o mundo, for colocado em primeiro lugar, ele sempre irá promover a desgraça na vida das pessoas. Sim, pois sua mulher, assim como você, um dia não será mais bela. Os anos vão modificando o corpo e a caminhada a dois vai fazendo com que o amor verdadeiro sempre presente, vá adquirindo novas formas, sem nunca deixar de ser amor. Se a busca do prazer vem em primeiro lugar, facilmente ele se transformará em vício que cada vez mais precisará de uma dose maior para ser satisfeito.

Lembremos, se estamos a querer uma relação sexual inspirada numa realidade que foge a sua origem e preceitos, esse nosso desejo irá nos garantir uma vida eterna na ausência do Senhor Deus do Universo. Quem acha que não e quer pagar o preço acreditando naquilo que lhe convém, fique avisado de que as coisas não são assim. Vejamos:

Livro do Apocalipse 21,8 - Os tíbios, os INFIÉIS, os DEPRAVADOS, os homicidas, os IMPUROS, os maléficos, os idólatras e todos os mentirosos terão como quinhão o tanque ardente de fogo e enxofre, a segunda morte.

1ª Corintios 6,9-10 - 9 Acaso não sabeis que os injustos não hão de possuir o Reino de Deus? Não vos enganeis: nem os IMPUROS, nem os idólatras, nem os ADÚLTEROS, nem os EFEMINADOS, nem os DEVASSOS, 10 nem os ladrões, nem os avarentos, nem os bêbados, nem os difamadores, nem os assaltantes hão de possuir o Reino de Deus.

Gálatas 5,19-21 - 19 Ora, as obras da carne são estas: FORNICAÇÃO, IMPUREZA, LIBERTINAGEM, 20 idolatria, superstição, inimizades, brigas, ciúmes, ódio, ambição, discórdias, partidos, 21 invejas, bebedeiras, ORGIAS e outras coisas semelhantes. Dessas coisas vos previno, como já vos preveni: os que as praticarem não herdarão o Reino de Deus!

Como disse Jesus; Marcos 13,23 – “Ficai de sobreaviso. Eis que vos preveni de tudo”. E também em Marcos 13,33 – “Ficai de sobreaviso, vigiai; porque não sabeis quando será o tempo”.

Artigo relacionado:

Motéis

Os pecados da carne


fonte: Jefferson Roger

Nenhum comentário:

Postar um comentário