quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Inteligentes iguais a um burro

A bíblia nos recorda na carta de São Tiago que a sabedoria terrena é diabólica. Isso é tão verdade e muito fácil de se constatar quanto a diferença entre o dia e a noite. A questão de ser inteligente e portar por causa disso uma sabedoria terrena e como diz na sagrada escritura, diabólica, passa pela questão da mácula que ela sofre por causa das ofertas e tentações do mal. Vamos ler o trecho da referida carta para podermos prosseguir com a reflexão.

Tiago 3,13-18 – “Quem dentre vós é sábio e inteligente? Mostre com um bom proceder as suas obras repassadas de doçura e de sabedoria. Mas, se tendes no coração um ciúme amargo e gosto pelas contendas, não vos glorieis, nem mintais contra a verdade. Esta não é a sabedoria que vem do alto, mas é uma sabedoria terrena, humana, diabólica. Onde houver ciúme e contenda, ali há também perturbação e toda espécie de vícios. A sabedoria, porém, que vem de cima, é primeiramente pura, depois pacífica, condescendente, conciliadora, cheia de misericórdia e de bons frutos, sem parcialidade, nem fingimento. O fruto da justiça semeia-se na paz para aqueles que praticam a paz.”

Como vemos no trecho em questão, se deixarmos o coração ser invadido por aquilo que não é bom e não faz bem, iremos acabar sendo dominados pelo mal. E isso, também é uma afirmação celeste que encontramos no Livro de Tobias, vejamos:

Tobias 6,16-17 – “O anjo respondeu-lhe: Ouve-me, e eu te mostrarei sobre quem o demônio tem poder: são os que se casam, banindo Deus de seu coração e de seu pensamento, e se entregam à sua paixão como o cavalo e o burro, que não têm entendimento: sobre estes o demônio tem poder.”

E assim, nos fica bastante claro que aqueles que tiram Deus do coração e se entregam as suas paixões, acabam por consequência a aderirem aos prazeres terrenos e toda a oferta de satanás, apresentada em pratos saborosos. Realmente não há como se achar inteligente e praticar contra si mesmo algo que faça mal, tanto fisicamente quanto espiritualmente. O sujeito sabe que fumar e usar drogas é prejudicial à saúde, mesmo assim ele pratica. O sujeito sabe que trair o conjugue é errado, mesmo assim ele trai. Percebem o alcance dos pecados e dos vícios? As pessoas se deixam convencer, compram a ideia do mal, colocam nela uma nova roupagem, saem promovendo isso como uma novidade e algo inevitável e que faz bem e se julgam inteligentes. Pobres delas, todas elas. A inteligência intelectual que lhes servem para muitas coisas foi facilmente corrompida e de nada mais serve, poderia evoluir e se tornar sábia, mas se estagnou, permaneceu terrena e tombou, tornando-se diabólica, como diz a escritura.

Tiraram Deus de suas vidas e seus corações e passaram a não o temer mais. Livro dos Provérbios 1,7 – “O temor do Senhor é o princípio da sabedoria.”


fonte: Jefferson Roger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens mais visitadas